A busca por uma vida melhor está atrelada à necessidade de emagrecer com saúde. No entanto, perder aqueles quilinhos a mais pode muitas vezes parecer difícil ou até mesmo impossível para algumas pessoas. E é justamente para te ajudar a desmitificar o emagrecimento que trazemos agora uma relação de 10 boas práticas e atitudes mentais que farão com que você atinja de maneira tranquila as suas metas e consiga mais disposição e um corpo mais saudável!

1 – Tenha clareza de suas reais necessidades 

Antes de se lançar em uma jornada rumo a um corpo ideal, a primeira pergunta a ser feita é: por que quero emagrecer? Responder este questionamento é fundamental, já que é a partir dele que toda a sua estratégia de emagrecimento deverá ser traçada.

Quer receber nossas novidades em seu e-mail? Cadastre em nossa lista de Lavitaminados.

Se o emagrecimento é motivado por problemas de saúde, por recomendações médicas, então essa é uma busca mais do que necessária.

Se a perda dos quilinhos sobressalentes é apenas estética, vale a pena se questionar se ela é realmente necessária ou se, por outro lado, tal perda trará mais malefícios do que benefícios ao seu organismo. Procurar um profissional especializado em nutrição é sempre a melhor recomendação.

2 – Estabeleça metas plausíveis

Um dos principais inimigos de qualquer planejamento é o estabelecimento de metas fora da realidade, metas estrambólicas e distorcidas que, ao invés de motivar, geram desânimo, pois se mostram impossíveis de cumprir.

De nada adianta você simplesmente se levantar hoje e, de repente, pensar que em um curtíssimo prazo de tempo sairá por aí desfilando com um corpo igual ao de uma modelo ou de um atleta.

Não vá com tanta sede ao pote! Lembre-se sempre que quanto maior as expectativas maiores podem ser as frustações.

Mantenha o seu foco, tenha clareza de seus objetivos que, aos poucos, você certamente chegará aos resultando que busca.

3 – Divida seus objetivos em etapas

Dividir para dominar! Esse é o lema de muitos estrategistas e, para o emagrecimento, ele também é mais do que válido.

Complementando a dica anterior, para que atinjamos nossos objetivos sem que nos frustremos, dividir nossas metas em etapas garante uma dose extra de motivação.

Ao subdividirmos nossos objetivos, conseguimos cumprir cada uma das etapas de forma mais fácil, o que cria uma atitude mental positiva de conquista, de cumprimento de tarefas, que nos ajuda a ter garra e disposição para atingir o objetivo final.   

4 – Mude seus hábitos alimentares

Essa dica é uma daquelas que todos conhecem, mas que poucos conseguem realmente segui-la. E desculpas para isso não faltam! Correria do dia a dia, falta de tempo para comprar e preparar os alimentos são apenas algumas das mais comuns…

E manter uma alimentação saudável significa dar ao seu organismo o que ele precisa, ou seja, todos os macro e micronutrientes necessários para que ele cumpra todas as tarefas demandadas.

Para tanto, uma dieta rica e diversificada, com a prevalência de alimentos não industrializados é mais do que essencial.

Uma boa alimentação diária deve contar com verduras, legumes, frutas, carnes e grãos (de preferências os integrais), com cores e texturas variadas, o que garante alta disponibilidade de nutrientes e quebra a monotonia do paladar.

Evite sempre os maus alimentos, aqueles que possuem calorias vazias (que só engordam e possuem baixíssimo valor nutricional), como por exemplo os lanches, pizzas, frituras e refrigerantes.

5 – Pratique exercícios físicos

Outro mantra do emagrecimento é a prática de exercícios físicos. Todas as atividades físicas, mas principalmente as aeróbicas, como caminhadas, natação e andar de bicicleta, aceleram o metabolismo do organismo, fazendo com que ele gaste mais calorias do que quando em repouso e, consequentemente, perca peso.

Mas, como já mencionamos acima, tenha clareza de que as metas e resultados tão almejados são conquistadas aos poucos, de forma gradativa, tijolo por tijolo.

Comece devagar, com exercícios de baixa intensidade e, aos poucos, conforme for melhor conhecendo o seu corpo e sentindo como ele reage a cada prática, vá aumentando paulatinamente o ritmo, o tempo e a frequência.

Procurar um médico para fazer um check-up antes da prática de exercícios físicos é também sempre uma importantíssima recomendação, já que é ele o profissional habilitado para verificar qual a melhor atividade para cada organismo e para averiguar se não há quaisquer problemas ou restrições que inviabilizem determinada prática.

6 – Durma bem

Dormir bem é um elixir para a nossa saúde física e mental. É no sono que nosso corpo e mente descansam e se recompõem das tarefas do dia a dia.

É durante o sono que nosso organismo libera uma série de hormônios responsáveis por regular o nosso humor e o nosso apetite. Sendo assim, noites mal dormidas podem atrapalhar em muito o processo de emagrecimento.

Segundo texto publicado no portal da universidade Harvard, diversos estudos têm apontado uma relação entre o quanto as pessoas dormem e o quanto elas pesam. De acordo com estes estudos, adultos e crianças que dormem pouco tendem a pesar mais do que aqueles que dormem corretamente.

7 – Seja persistente

No pain, no gain! Ou seja, sem dor ou esforço, não há conquistas!

Mantenha o foco em seus objetivos e pense que o emagrecimento começa sempre com uma postura mental, que demanda clareza das reais necessidades de seu corpo e uma série de mudanças de atitudes, tanto nas práticas alimentares, físicas quanto psíquicas.

Saiba o que você quer e aonde quer chegar. Pegue esse caminho e siga em frente!

8 – Não se cobre tanto

Apesar de termos tratado da importância das metas e objetivos para o emagrecimento, nem sempre tudo sai da forma como esperamos, nem sempre os resultados aparecem da maneira e na velocidade que queremos.

Não atingir uma meta não quer dizer que você fracassou, muito pelo contrário. Isso é apenas uma evidência de que você está se conhecendo melhor e em busca da fórmula de emagrecimento mais adequada para você.

Essa é a hora de verificar os caminhos trilhados até o momento, de reconhecer os possíveis erros e, a na sequência, fazer as mudanças e correções necessárias para que o resultado final seja atingido.

9 – Cerque-se de pessoas que buscam os mesmos objetivos

Contar com o apoio de pessoas que passam ou estão passando por um mesmo processo que a gente é sempre um fator de motivação. A troca de experiências, o intercâmbio de técnicas e uma boa conversa ajudam a nos manter firmes no objetivo do emagrecimento.

Quando o assunto é que comemos, contar com pessoas que também buscam hábitos alimentares mais saudáveis é algo de enorme ajuda.

Seja em casa, seja no trabalho, firme “parcerias” com quem também está evitando os alimentos industrializados e as calorias vazias, criando uma rede de suporte e de apoio voltada para uma alimentação mais saudável.

Em relação às atividades físicas, principalmente quando estamos começando a criar uma rotina exercícios, muitas vezes é importante praticarmos essas atividades com outras pessoas, como a namorada(o), amigos ou familiares, para que assim um “puxe” e incentive o outro quando alguém fraquejar.

Praticar esportes coletivos ou em academias também pode ser uma interessante pedida, já que nestes ambientes cria-se um sentimento de pertencimento e de grupo que também pode ser muito útil na motivação para a prática de exercícios.

10 – Alguns produtos que ajudam no emagrecimento

Algumas bebidas, como o chá verde e o café, ajudam a acelerar o metabolismo e, consequentemente, a acelerar a queima calórica.

Outro excelente produto e que auxilia no emagrecimento e na manutenção da boa saúde do organismo, são as gorduras boas, como as Ômega 3, 6 e 9, que são encontradas em peixes de águas frias, como salmão, atum e sardinhas e também em castanhas, nozes e amêndoas.

As gorduras Ômega 3 e 6, além de ajudarem na queima da gordura abdominal, também atuam de forma a melhorar o desempenho de memória e de aprendizagem. Elas também ajudam a controlar o triglicérides e o colesterol ruim, além de contribuir para o bom desempenho do sistema imunológico.

Já o Ômega 9 auxilia na regulação da temperatura corporal e na produção dos hormônios sexuais tanto nos homens quanto nas mulheres. O ômega 9 também é um importante aliado na absorção das vitaminas A, D, E e K.

Uma boa dica de produto é o Lavitan Ômega 3 Mais, que além de ser uma excelente fonte de Ômegas 3, 6 e 9, é também composto de óleo de gergelim e linhaça, poderosas fontes de fibras, proteínas e ácidos-graxos

Emagrecer com saúde: Conclusão

Seja pelo comprometimento com determinadas “regrinhas básicas”, seja pela redução ou até mesmo eliminação de alguns hábitos prejudiciais, o emagrecimento saudável por meio de uma mudança de hábitos e atitudes é plenamente possível!

Lembre-se também, sempre, que a ajuda de um profissional especializado na área de saúde, como médicos e nutricionistas, é imprescindível ao longo deste processo, pois são eles os profissionais habilitados a fornecer todo o suporte o emagrecimento ocorra de forma plena e saudável, seguindo o ritmo e as necessidades específicas do seu organismo.

10 práticas e atitudes que te ajudam a emagrecer com saúde!
Gostou do artigo? Avalie